A VIDA

Sou o silêncio da noite,
Sou o colorido do dia,
Sou a hora da Ave Maria,
Sou o palpitar do coração,
Sou a lágrima de uma emoção,
Sou o bálsamo da angústia,
Sou o delírio de um sonho,
Sou o enigma do universo,
Sou o suspiro do amanhecer,
Sou o silêncio do anoitecer,
Sou a alegria de viver,
Sou o desejo de amar,
Sou a mistura de tudo,
Sou a lágrima da tristeza,
Sou o gargalhar da alegria,
Sou o encanto, sou a beleza,
Sou a dor da frustração,
Sou o grito da ventura,
Sou a dor da frustração,
Sou revolta da desdita,
Sou o remorso da orgia,
Sou a placidez da oração,
Sou o caminhar, sou ação,
Sou o alívio, sou a dor,
Sou o passado de amor,
Sou o presente de ilusão,
Sou o viver do sonhador,
Sou a ansiedade da partida,
Sou o grito da chegada,
Sou vinda, sou a ida,
Sou a síntese do amor,
Sou o amor, sou a vida...
Sou o direito de amar.

(Tarcisio Costa)


Inicial
Poemas de A-E