CREDO

Creio em ti toda amorosa,
Criadora dos sonhos da ilusão,
Creio em ti singela como uma rosa,
Concebida pelo poder sedução.

Nascida para me trazer emoção,
Padecida sob a sombra da saudade,
Tua ausência para mim é uma maldade,
O teu retorno reanimará o meu coração.

A tua volta, acredita, é uma certeza,
Profetiza, assim, o meu inquieto coração,
Vivermos, um para o outro, é uma beleza
Significa para o nosso amor, a redenção.

Creio no nosso amor ressuscitado
Creio na doce ternura do teu sorriso.
Creio no nosso amor concretizado,
Creio que iremos viver num paraíso.
(Tarcisio Costa)

Inicial
Poemas de a-E