LEMBRO-ME DE TI
Ciducha


Lembro-me de tí...
Meus dedos passeiam
em teu dorso,
meus olhos desvendam,
teus segredos mais escondidos;
Minha boca suga
teus mais íntimos desejos!
Lembro-me de ti...
E és dono dos lados
do meu leito;
És o senhor dos meus sonhos,
mais ternos e mais loucos...
Lembro-me de ti...
E te aninhas no meu seio,
confunde tuas pernas às minhas,
sendo assim,um só corpo,
única esperança,uma
só realidade!!

**************************************************

LEMBRO-ME DE TI
Tarcísio R. Costa


Lembro-me das tuas carícias
ao me acordares,ansiosa para amar,
com o teu corpo quente cheirando a amor...

Quis nele aquecer o meu o meu amor...
Ficávamos colado um no outro,
transformava-nos num só corpo...

Ouvia o teu a suspirar a romper
o silêncio do amor.

Dizias-me palavras de carinhos,
que se perdiam no meu coração...

E eu, perdido de amor,
te acariciava...
apertava-te em meus braços,
trazia-te ao meu regaço,
misturavam-se as nossas pernas,

Eram o bater de dois coração,
agitados...

Os teus gemidos levavam-me ao descontrole,
com os nossos corpos molhados de amor.

E... nesse descontrole,
chegávamos ao vértice, ao
ápice do amor!

Duetos
Inicial