POEMA DA DESPEDIDA
Marilda Conceição


Não, tu sabes que não fizeste bem.
Que sem você não sou ninguém.
Deixaste no meu olhar a tristeza do teu
quando me disseste adeus.

No meu caminho deixaste tuas pegadas
e uma saudade desesperada,
que vive em minh'alma escondida,
chorando tua partida.

E eu que te amo tanto ainda,
vivo desta saudade infinda.
Na memória guardo doces lembranças.
No coração escondo lágrimas de dor
e no poema da despedida
exalto nosso amor.

**************************************************

POEMA DA SAUDADE
Tarcísio R. Costa


Tento e não consigo te esquecer
Para aliviar da minha alma, a tensão...
Repalmilhei os nossos caminhos,
Estavam todos, coloridos dos carinhos
Que de ti recebia o meu coração.

Isso me traz uma dura realidade,
Meu peito vive cheio de saudade,
Essa é a causa de não te esquecer,
Por isso, eu te peço: deixa-me, também,
Eu viver no teu coração.

Minha vida hoje é sofrimento.
Em tudo eu te vejo,
Até nas nuvens efêmeras...
Vives presente nos meus sonhos,
Não quero que te tornes para mim
Apenas uma imaginária ilusão.
Pensando assim, seria um castigo
Para o meu já sofrido coração,

Se um dia voltares,
Verás comprovada a minha verdade,
Os meus olhos te mostrarão
As marcas da minha saudade.

Duetos
Inicial