O MEU VIVER
Tarcísio R. Costa


O meu viver não é uniforme,
Ele tem curvas, mas é, também linear,
Ele é altiplano, mas é, também, depressão,
Ele é sorriso, mas é, também, tristeza,
Ele é tumulto, mas é, também, paz,
Meu viver não é soma nem divisão,
Não é amálgma, nem a média de tudo...
Meu viver são fragmentos,
São flashs dos meus momentos.
Meu viver foi o ontem, ele é o agora
e poderá ser o amanhã...
Brasília, 03 de setembro de 2008
Tarcísio Ribeiro Costa
**************************************************

O MEU VIVER
Zenaide Giovinazzo

O meu viver não é brincadeira,
uma correria a semana inteira,
e ainda para completar
sábado e domingo reunir
a família para curtir...
Mas vivo de bom humor,
e agradeço ao Senhor
por um trabalho possuir,
marido e filhos saudáveis,
e momentos agradáveis...
As tristezas quando vêm
e machucam o coração
procuro "tirar de letra"
e encontrar a solução...
E assim vou vivendo
nesse mundo de "meu Deus"
me deixando poetar
e me permitindo sonhar!...

Duetos
Inicial