<



ENLEVO

Vejo-te num jardim de fantasia
entre as borboletas e as flores,
numa mistura de cores de sonhos... uma utopia...

Ao acariciar as flores,
penso em ti...
dou-te o meu carinho colorido de ternura...

Imito o beija-flor...
Beijos as flores,
assusto as borboletas para te beijar.

Afasto os espinhos,
Para te acariciar...
Sinto o teu perfume de amor e de carinhos...

Eu te proponho,
Não deixa o meu jardim
Tu és para mim o enlevo de um sonho.

(Tarcisio Costa)


Inicial
Meus
Poemas 1