EU E TU - NÓS DOIS


É impossível não sonhar,
quando lembro daquela dos meus sonhos,
faz-me, assim, emergir da incerteza,
quero, embora em sonhos
exercer o direito
de amar...

Ela é a minha etérea fantasia
criou-se uma idéia fixa a minha mente,
não consigo esquecer o seu amor,
ela é do meu coração, uma mania
no amor não há a abstemia,
porrisso, vivo a sonhar...

É um cenário sagrado
quando se encontram dois corações,
sob as graças da bênção divinal...
Por isso, tenho etéreas ilusões
de que vivamos com a felicidade
a realidade do nosso amor...

Eu e tu, nós dois juntos,
construiremos com amor o nosso ninho,
que seja eviterna a nossa felicidade...
Substituiremos a dor da saudade,
pelo enlevo do nossos carinho
e da sonhada felicidade!

(Tarcisio Costa)


Inicial
Poemas de A a E