ILUSÃO

Hoje, és uma sombra de saudade.
Em tudo te procura a minha imaginação...
Paro nas encruzilhadas da vida,
Olho até onde meu olhar alcança,

Não quero estar diante de uma desdita,
Mas, nada vejo, além da esperança.

Esses momentos de tristeza
Oprimem o meu coração...
Não quero perder a esperança,
Não quero sentir desilusão.

Ninguém te substituirá no meu coração.
Se não voltares, o que será de mim?
Mas, espero o teu regresso... só assim,
Continuarei no mundo da ilusão.

(Tarcisio Costa)

Inicial
Poemas de F a J1