MINHA MÃE


À minha mãe

Faz anos... uma tarde triste...
lágrimas deslizavam do meu coração,
o silêncio era quebrado por lamentos...
abatia-me em uma terrível desilusão,
via partir sem retorno,
minha doce mãe
meu amor, minha razão...

Ela era pequenininha,
seus olhos azuis pareciam
dois pedacinhos do céu,
era minha boa mãezinha,
que não sei porque
Deus a levou...

Agora mesmo,
quando esvrevo
estes versinhos,
choro, é verdade,
sinto muita saudade,
dos mimos, do seu amor,
dos seus carinhos...

Deus nos deu a conformação,
isso é uma realidade,
mas deu ao nosso coração,
o direito à saudade...

resta-me, ao meu Deus, pedir
por ela, nas minhas orações.

(Tarcisio Costa)


Inicial
Poemas de L a O