NÃO DESPREZE OS SEUS SONHOS


Não despreze os seus sonhos,
Eles são a progênie dos seus ideais,
Dos seus anseios... da sua realidade.

Meça-os pelo tamanho saudade.
Nada de atitudes vãs, incoerentes
Que conflitem com o seu coração.
Viva sob a égide da lealdade.

O adverso seria propender-se para a solidão...

O que seria o melhor da vida,
Senão o sufruir dos sonhos concretizados!
Abandonarmos a ilusão perdida
E vermos entreluzir dos sóis no horizonte.

Eu quero só para mim o seu olhar,
Quero ter as carícias da sua mão,
Eu em você e você em mim,
Quero-a no meu coração...

Penso o dia todo em você,
É impossivel eu viver sem o seu amor,
Uma preciosidade para o meu coração.

Estás afastada de mim, Por quê?
Eu te pergunto, meu amor!
Por quê?

(Tarcisio Costa)


Inicial
Poemas DE L a O