O TEU RETRATO III

Olho o teu retrato
Desbotado, já sem cor,
Cheio de manchas de saudade...
Nele está expressa a verdade
Dos restos do nosso amor

Os teus olhos afetivos
Trazem a mim a recordação
Dos nossos encontros de amor,
Das delícias do teu calor,
Sempre cheias de emoção.

De tudo, restou a saudade
E a esperança no coração.
Vi o meu sonho desfeito...
O que parecia um amor perfeito,
Era apenas ilusão!

Mesmo assim sinto muita falta
De o teu lindo olhar de doçura...
Hoje me sinto saudoso e sozinho,
Não tenho mais o teu carinho
Daqueles momentos de ternura.

(Tarcisio Costa)



Inicial
Meus
Poemas 2