Ouvindo o Tom Tarcísio Ribeiro Costa Mais uma vez Tom Jobim Mexe com meu coração Sua música, seu tom Inigualável som Do Tom Jobim Vivo assim Entre a alegria e a tristeza Minha vida é a incerteza Na minha saudade Triste realidade! Vivo assim A ouvir Jobim Isso é bom para mim! Corre lágrimas do meu coração, O passado ficou com meu amor, Ninguém avalia a minha dor. Vivo um mal sem cura O amor só é bom Enquanto dura, Triste verdade Canta o tom A saudade. Cadê o meu amor? Tenha dó da minha dor, Volta pra mim Vamos juntos Ouvir do Tom O tom das nossas Saudades...


(Tarcisio Costa)


Inicial
Poemas de L a O