BENÇÃO


No silêncio da bênção do ostensório,
Das mão da fé e do amor sacerdotal,
Ecoam solenes músicas sacras,
Olhos se erguem aos céu

À procura do Senhor!

Ó Deus, derramai em profusão

O Vosso amor,
Supri as nossas carências!
Ouvi, Oh! Senhor,

O eco das nossas consciências!

Está em vós o alívio da nossa dor,
Carecemos do vosso olhar de amor...
Pegai na mão desses Vossos filhos pecadores,
Olhai-nos com compaixão,
Molhai-nos, ó Senhor,
Com o sangue sagrado do Vossa paixão!
Apontai-nos, ó meu Deus, a solução...

Oh! Caminho! Oh! Luz! Oh! Verdade,
Indicai-nos o Vosso caminho,
Iluminai o nosso caminhar,
Mostrai-nos, Oh! Senhor,
A verdade!

(Tarcisio Costa)


Inicial
Indice de A a M