VERDADEIRO AMOR

Sentindo as minhas saudades,
Fiz, do passado, uma avaliação,
Uma espécie de contabilidade
Das coisas do coração...

Relembrei os dissabores,
Revi as minhas emoções
Transformadas em ilusões...
Senti saudade dos meus amores...

Mas... Revi momentos, para mim,
De inigualável ternura...
Vi o quanto eram belas puras
As rosas do meu jardim...

O jardim era o meu coração,
As rosas eram os meus amores,
Todas pintadas com as cores
Dos momentos de emoção.

Mas, um dia me tornei vencedor...
Foi quando o meu amor conheci,
Com quem tantos anos já vivi...
Este é o meu exemplo de amor!

(Tarcisio Costa)


Inicial
Meus
Poemas 2