VOLTA A AMAR

Eu vivia entre flores,
Cultivava o meu jardim...
As flores eram os meus amores,
Hoje, apesar das minhas dores,
Elas não se lembram mais de mim.

O tempo passou,
Foram-se as emoções...
O mundo p’ra mim desabou
A minha alegria acabou,
Vieram as desilusões...

Pensei... encontrei a solução.
Comecei novamente a sonhar,
Voltou à minha alma a emoção.
Foi a sagrada ressurreição
Do meu direito de amar.

Foi para mim uma lição,
Passei a sentir o calor
De amor no coração...
Sonha e terás a sensação
De que o teu mundo é de amor.

(Tarcisio Costa)


Inicial
Meus
Poemas 2